Mulher é baleada em frente ao local de trabalho em Salto (SP)

suspeito de ter feito os disparos, um ex-namorado da vítima, está foragido; vítima está internada

José Maria Tomazela - O Estado de S. Paulo,

09 Março 2012 | 17h59

SOROCABA - A recicladora Cássia Maria Rafael Rossi, de 46 anos foi atingida por dois tiros no portão da empresa em que trabalhava, nesta sexta-feira, 9, em Salto, no interior de São Paulo.

Um projétil atingiu a cabeça, o outro se alojou no tórax. No final da tarde, ela continuava internada em estado grave. O suspeito de ter feito os disparos, um ex-namorado da vítima, está foragido. A mulher trabalhava numa empresa de reciclagem, na Vila Teixeira, periferia da cidade, quando foi chamada no portão por um homem.

Assim que saiu na rua, o homem sacou uma arma e fez os disparos. A mulher caiu na calçada, enquanto o homem fugia num carro. Havia outra pessoa na direção do veículo. O serviço de resgate do Corpo de Bombeiros encaminhou a vítima para um hospital da cidade e, mais tarde, ela foi transferida para o Hospital Regional de Sorocaba. A polícia ainda não tem pistas do autor dos disparos.

Mais conteúdo sobre:
ex-namoradoSaltotiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.