Mulher de Elias Maluco passa a ser investigada

CRIME ORGANIZADO

, O Estado de S.Paulo

29 de outubro de 2010 | 00h00

Policiais do 32.º Departamento de Polícia (Taquara), no Rio, investigam a participação da mulher do traficante Elias Pereira da Silva, o Elias Maluco, em um grupo que faria lavagem de dinheiro e teria participação no tráfico de drogas. A investigação, que já dura três meses, também apura a participação do próprio traficante na quadrilha. Segundo a polícia, a mulher de Elias Maluco - acusado de comandar a tortura e a morte do jornalista Tim Lopes - é dona de imóveis avaliados em R$ 2 milhões, mas se desconhece a fonte de renda.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.