Mulher atropela cinco em ciclovia no Rio

Cinco pessoas foram atropeladas por um jipe Mitsubishi Pajero desgovernado, no Aterro do Flamengo, zona sul do Rio, por volta das 8h30 de ontem. A motorista, que não teve o nome revelado pela polícia, disse na delegacia que se assustou e perdeu a direção do veículo, que subiu o canteiro e atingiu as vítimas, entre elas dois trabalhadores que pintavam a ciclovia para demarcá-la. Um deles está internado em estado grave no Hospital Miguel Couto, na Gávea, também na zona sul.

FÁBIO GRELLET / RIO, O Estado de S.Paulo

10 Março 2012 | 03h01

Duas vítimas foram atendidas no Miguel Couto, mas estão em estado estável. O quarto ferido foi atendido pelos bombeiros e não precisou ser hospitalizado. A quinta pessoa atingida é o velejador e arquiteto aposentado Ivan Pimentel, de 72 anos. Morador de Botafogo, na zona sul, ele havia pedido a bicicleta do filho emprestada para pedalar por hobby.

"Ele escolheu o Aterro porque considerava mais seguro", afirmou o filho, João Pimentel.

Segundo João, ao ser atingido, o pai foi lançado sobre a pista do Aterro. O velejador, que conquistou medalha de bronze no Pan-Americano de Indianápolis (EUA), em 1987, fraturou o punho esquerdo e três costelas. Atendido no hospital Copa D'Or, terá o punho operado na próxima semana.

Ele não chegou a ter contato com a motorista, que será indiciada por lesão corporal culposa (sem intenção).

Em São Paulo. Na capital paulista, no último dia 2, a bióloga Juliana Dias morreu atropelada por um ônibus na Avenida Paulista. Para desviar de outro ônibus que fazia uma ultrapassagem, ela se desequilibrou, caiu e foi atingida. Juliana Dias era pesquisadora do Hospital Sírio-Libanês e ia da Vila Mariana para o trabalho.

O acidente ocorreu a poucos metros do local onde a massagista Márcia Prado foi atropelada e morta por um ônibus, em 2009.

Em 13 de junho de 2011, o acionista da Lorenzetti Antonio Bertolucci morreu, aos 68 anos, em acesso à Avenida Paulo VI, na zona oeste. Para lembrar o acidente, uma "ghost bike" foi colocada no local. Também no ano passado, no dia 4 de agosto, Francisco Jander Silva Martins, de 41 anos, foi atropelado no Viaduto 31 de Março, no centro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.