Mulher acusada de abastecer traficantes da Cracolândia é presa com 16 mil pedras de crack na zona leste de SP

De acordo com a polícia, volume é suficiente para abastecer a Cracolândia por apenas um dia

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

13 de janeiro de 2012 | 05h47

Atualizado às 6h10

SÃO PAULO - Uma mulher de 25 anos, acusada de abastecer traficantes da Cracolância, no centro de São Paulo, foi flagrada na noite desta quinta-feira com 16 mil pedras de crack. De acordo com os policiais, o volume é suficiente para abastecer a Cracolândia por apenas um dia.

Segundo o Departamento de Investigações sobre Narcóticos (Denarc), Jéssica Helena Martins Silva estava dentro de um Fiat Siena, em frente à própria casa, na Travessa Araçá de Coroa, na Vila Leme, região da Água Rasa, zona leste da capital paulista.

As pedras de crack foram encontradas dentro do carro e na residência de Jéssica, junto com 3,6 quilos de cocaína, 3 quilos de maconha e 5 quilos de outras substâncias, entre elas cafeína, utilizadas na preparação da droga. Uma pistola calibre 380 e munição também foram apreendidos.

Para não levantar suspeita, a traficante saía de carro para distribuir a droga e levava a filha, de menos de 1 ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.