Mudança deve deixar check-in mais ágil no fim do ano

O diretor-presidente da Anac,

O Estado de S.Paulo

29 Novembro 2011 | 03h03

Marcelo Pacheco dos Guaranys, estima que o processo de check-in ficará 20% mais rápido com o compartilhamento de balcões pelas companhias aéreas. A medida foi publicada ontem no Diário Oficial da União e deve começar a valer em dezembro. O Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, deve ser o pioneiro.

O check-in compartilhado vai permitir que uma empresa, quando tiver muitos voos saindo no mesmo horário e precisar agilizar o embarque, possa usar o guichê do vizinho para atender seus passageiros. Hoje, algumas companhias internacionais já fazem isso, mas as nacionais não, porque usam sistemas de check-in diferentes. Agora, elas terão de unificar o software.

A intenção da Anac é minimizar as filas nos terminais no fim do ano e aproveitar melhor guichês de check-in ociosos. /EDUARDO BRESCIANI

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.