MPL/Facebook/Reprodução
MPL/Facebook/Reprodução

MPL interdita trecho da Avenida 9 de Julho

Grupo de 30 pessoas, formado principalmente por mulheres, ocupou duas faixas à direita da via, deixando outra para circulação dos veículos; outra manifestação está marcada para as 17 horas

Tulio Kruse, O Estado de S. Paulo

21 de janeiro de 2016 | 10h50

O Movimento Passe Livre (MPL) fez, na manhã desta quinta-feira, 21, mais um "trancaço" contra o aumento da tarifa de transporte público na capital. Desta vez, cerca de 30 pessoas interditaram um trecho da Avenida 9 de Julho, próximo ao Terminal Bandeira. 

O grupo, formado principalmente por mulheres, ocupou duas faixas à direita da avenida e caminhou em direção ao centro. Os veículos conseguiam trafegar pela esquerda. Viaturas da Polícia Militar acompanharam o protesto.

O MPL marcou para as 17 horas desta quinta-feira outra manifestação, desta vez no Terminal D. Pedro, região central da cidade. A Secretaria da Segurança Pública informou que até as 19h desta quarta-feira, 20, nenhum órgão estadual ou municipal havia sido informado pelo movimento sobre o trajeto do ato. A pasta informou que não será permitida a obstrução do terminal, por se tratar de crime previsto no artigo 262 do Código Penal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.