MPE vai investigar empresas de guinchos

O Ministério Público Estadual (MPE) vai investigar se a atuação das cinco empresas credenciadas para remover e guardar os veículos apreendidos nas rodovias paulistas está regular. Reportagem do Estado mostrou ontem que as empresas cobram preços acima dos de mercado para recolher veículos. Com os radares inteligentes, a média mensal de carros apreendidos subiu de 4.490 para 9.750.

, O Estado de S.Paulo

17 de maio de 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.