MPE pede retirada de 44 crianças de prisão

Quarenta e quatro crianças com até 2 anos dividem espaço com suas mães que cumprem pena na penitenciária Ana Maria do Couto May, em Cuiabá (MT). Para reverter essa situação, o Ministério Público de Mato Grosso entrou com uma ação civil pública contra o Estado. A Promotoria quer que em 90 dias seja construído um berçário-lactário, longe das celas, para acomodar crianças com até 6 meses de idade. Com relação às crianças com idade superior, a Promotoria defende que sejam encaminhadas aos parentes.

, O Estado de S.Paulo

25 de junho de 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.