Tiago Queiroz/Estadão
Tiago Queiroz/Estadão

MP convoca secretário de Covas para explicações sobre Parque Minhocão

Prefeitura anunciou nesta quinta-feira que via elevada será desativada para o trânsito de carros em trecho de 900 metros e será transformada em parque

Bruno Ribeiro, O Estado de S. Paulo

22 de fevereiro de 2019 | 17h20

SÃO PAULO - O Ministério Público Estadual (MPE) expediu uma convocação para o secretário municipal de Urbanismo, Fernando Chucre, prestar explicações sobre a proposta da Prefeitura, anunciada nesta quinta-feira, 21, de construção de um parque no Elevado Presidente João Goulart, o Minhocão. A convocação é uma notificação de comparecimento e Chucre não é obrigado a ir.

Segundo a assessoria de imprensa do MP paulista, se comparecer, Chucre deve ir “munido de todos os estudos já feitos pela municipalidade em relação aos impactos negativos da intervenção, para análise do Ministério Público”.

A Promotoria de Justiça de Habitação e Urbanismo da capital tem um inquérito civil, aberto desde agosto de 2015, que apura “os impactos urbanísticos, notadamente de tráfego, que decorrerão com a alteração do uso do Elevado Presidente João Goulart”. Chucre foi chamado para dar informações sobre esse processo.

Por meio de nota, a gestão Bruno Covas (PSDB) informou que "está à disposição do Ministério Público para prestar todos os esclarecimentos que o órgão julgue necessários".  Segundo o texto, "toda proposta de requalificação urbanística do primeiro trecho do Minhocão será amplamente discutida para garantia da participação social e transparência na discussão do projeto e conceito urbanístico".

 

Tudo o que sabemos sobre:
MinhocãoBruno Covas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.