Movimentos de moradia bloqueiam importante vias em São Paulo

Cinco atos são organizados pelo MTST e há outros coordenados por estudantes e metalúrgicos; população se manifesta por meio de redes sociais

O Estado de S. Paulo

15 Maio 2014 | 09h27

SÃO PAULO - Manifestações de luta por moradia iniciaram nesta quinta-feira, 15, uma série de protestos na capital paulista. Cinco atos - um na zona leste, um no centro e três na zona sul - são coordenados pelo Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST). Há outros organizados por outros movimentos de moradia, estudantes e metalúrgicos.

A partir das 14h, professores da rede municipal de ensino, em greve há três semanas, farão uma passeata que sairá da Secretaria Municipal da Educação, na Vila Clementino. Mais tarde, por volta das 17h, haverá a sétima manifestação contra a Copa, com concentração na Praça do Ciclista, na Avenida Paulista.

Pelas redes sociais, internautas relatam a situação do trânsito e se manifestam sobre a série de protestos em São Paulo e em outras cidades brasileiras.

 

Mais conteúdo sobre:
Protestos São Paulo Não vai ter copa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.