Movimento tranquilo nas principais rodovias de São Paulo

A previsão é a de que a partir das 12 horas aumente o número de veículos retornando a São Paulo

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

24 Fevereiro 2009 | 08h21

O movimento nas principais rodovias que ligam a capital paulista ao litoral e ao interior do Estado estava tranquilo no começo da manhã desta terça-feira, 24. A previsão é a de que a partir das 12 horas aumente o número de veículos retornando a São Paulo.   Volta do litoral de SP após as 10h deve ser evitada   De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o fluxo de veículos nas rodovias Fernão Dias, Régis Bittencourt e Presidente Dutra estava abaixo do normal. O movimento deve aumentar a partir das 14 horas.   O tráfego de veículos estava normal nas rodovias estaduais, como o Sistema Castelo Branco-Raposo Tavares e Anhanguera-Bandeirantes, Ayrton Senna, dos Tamoios e Oswaldo Cruz. O sistema Anchieta-Imigrantes seguia com tráfego normal, devendo aumentar a partir das 10 horas.   A Rodovia Carvalho Pinto, no sentido Rio de Janeiro, estava com um trecho interrompido devido à remoção de um caminhão que caiu em ribanceira no último sábado, 21, sem deixar feridos, na altura do km  127. O desvio está montado no km 111, no acesso à SP-103, a Rodovia João do Amaral Gurgel. Não há lentidão no local. Balsas   O tempo de travessia das balsas, no litoral sul e norte de São Paulo, era considerado normal, sem filas, segundo o Desenvolvimento Rodoviário S.A. (Dersa).   Santos-Guarujá: as quatro balsas operavam com o tempo de travessia em 15 minutos, nos dois lados.   Ilhabela-São Sebastião: o motorista esperava 20 minutos para realizar a travessia, para os dois lados, que estavam sendo feitos por quatro balsas.   Cananeia-Ilha Comprida: uma balsa operava a travessia, que tinha fila de 20 minutos para Ilha Comprida.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.