Movimento é intenso nas principais rodovias paulistas

Excesso de veículos e chuva contribuem para o trânsito lento nas estradas que levam o motorista à capital

Tatiana Freitas, da Agência Estado,

04 de novembro de 2007 | 15h16

O movimento nas principais estradas que levam o motorista de volta à capital paulista, no retorno do feriado prolongado, já é intenso no início da tarde deste domingo. Em algumas rodovias que ligam a cidade de São Paulo ao interior e ao litoral, os paulistas encontram lentidão devido ao excesso de veículos. A chuva que atinge toda a região também contribui para a lentidão. Na rodovia Castelo Branco, no sentido capital, há dois pontos de tráfego lento, do quilômetro 33 ao 30, na altura de Barueri, e do quilômetro 59 ao 56, entre os municípios de Itu e Itapevi. Na rodovia Raposo Tavares não há congestionamento. Segundo informações da ViaOeste, concessionária que administra as duas vias, desde quinta-feira até o meio-dia de hoje foram registrados 33 acidentes, com 13 vítimas e nenhuma morte. A situação é tranqüila no sistema Anhangüera-Bandeirantes. Segundo informações da AutoBan, o movimento deve se intensificar a partir das 16 horas. Neste domingo não houve acidentes graves, mas desde quinta-feira a concessionária registrou 42 ocorrências, que deixaram 21 feridos e dois mortos. As rodovias que ligam a capital a outros Estados apresentam movimento normal. Na Dutra, não há pontos de congestionamento, de acordo com informações da concessionária NovaDutra. Também não há lentidão nas rodovias Fernão Dias (BR-381), que liga São Paulo a Belo Horizonte, e Régis Bittencourt (BR-116), entre a capital paulista e Curitiba, mas segundo a Polícia Rodoviária Federal o tráfego começou a se intensificar nesta tarde. No retorno do litoral paulista, o fluxo de veículos é mais intenso. O sistema das rodovias Anchieta-Imigrantes opera no esquema 8 x 2, com as pistas norte e sul da Imigrantes e a pista norte da Anchieta no sentido capital. O motorista vai ao litoral somente pelas duas faixas da pista sul da Anchieta. Conforme a Ecovias, o tráfego é intenso no sentido São Paulo, com lentidão no quilômetro 40 da Imigrantes, sentido São Paulo, devido ao excesso de veículos. A visibilidade é parcial, em razão da chuva que atinge a via. Na rodovia Cônego Domenico Rangoni, o tráfego é intenso no sentido Guarujá - Cubatão, assim como na Padre Manoel da Nóbrega, na saída da Praia Grande. A Polícia Rodoviária Federal espera que o pico de trânsito nas principais rodovias do País seja registrado entre 17 horas e 20 horas, intervalo que deve ser evitado pelo motorista na volta para casa.

Tudo o que sabemos sobre:
Estradas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.