Motoristas enfrentam 118 km de congestionamento em SP

Taxa é normal para o período, mas congestionamento voltou a bater recorde pela manhã na cidade

Fabiana Marchezi, estadao.com.br

04 de março de 2008 | 18h50

Por conta do excesso de veículos, as principais vias da capital paulista acumulavam 118 quilômetros de lentidão por volta das 18h30 desta terça-feira, 4, equivalentes a 14,4% dos 820 quilômetros de vias monitoradas, dentro da média para o período, de 17,3%.          Veja também:   Veja os pontos de lentidão em São Paulo Apagão elétrico atinge 690 mil casas em São Paulo   Porém às 9h30, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registrou novo recorde de congestionamento no ano para o período da manhã, com 155 quilômetros de lentidão em toda a cidade. Por volta das 18h30, o pior trecho estava na pista expressa da Marginal do Tietê, sentido Lapa-Penha, onde o engarrafamento era de 8,5 quilômetros, desde a Ponte do Piqueri até a Rua Azurita.   Na pista expressa da Marginal do Pinheiros, sentido Interlagos, o motorista reduzia a velocidade por 7,4 quilômetros, entre as pontes Cidade Universitária e Morumbi.   Já no Corredor Norte-Sul, formado pelas avenidas 23 de Maio, Rubem Berta e Moreira Guimarães, sentido Aeroporto de Congonhas, onde o trânsito estava carregado por 4,9 quilômetros, desde a Praça da Bandeira até o Viaduto Euclides Figueiredo.

Tudo o que sabemos sobre:
trânsitosão paulocongestionamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.