Motoristas antecipam volta e Imigrantes tem tráfego intenso

Apesar do tráfego intenso, não há pontos de lentidão no retorno à capital paulista após o feriado do ano-novo

Rita Cirne, do estadao.com.br,

02 Janeiro 2009 | 16h36

O movimento é intenso nesta sexta-feira, 2, nas rodovias que ligam o litoral á capital paulista. No Sistema Anchieta-Imigrantes, apesar do tráfego intenso, não há pontos de lentidão, segundo informa a Ecovias. Do total de 420 mil pessoas que desceram a serra desde o dia 29 de dezembro, 289.800 já regressaram. Só na última hora, 5.859 veículos passaram em direção à capital.    Veja também: Confira dicas para o verão no blog Verão09 Fotos de banhistas aproveitando o verão    Fotos da virada de ano no Brasil e no mundo  Trânsito nas rodovias do DER  Trânsito nas rodovias da Dersa  Trânsito na Anchieta e Imigrantes    O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) informa que a Tamoios e a Mogi-Bertioga (SP-98) apresentam lentidão no trecho de serra, com neblina e garoa. Na SP-55, que liga o Rio a Santos, e na padre Manoel da Nóbrega, sentido São Paulo, o tráfego também é intenso, mas sem ocorrências.   Segundo as Polícias Rodoviária Federal (PRF) e Militar Rodoviária, não houve acidentes graves nas últimas horas.    Dutra liberada   A rodovia Presidente Dutra já foi liberada nos dois trechos em que houve tombamento de veículos. O primeiro, que interditou o acesso da marginal Tietê à pista expressa da rodovia, foi desbloqueado às 14h47, segundo a concessionária Nova Dutra.   O segundo, também liberado no início da tarde, estava interditado na região de Piraí (RJ) após o tombamento de uma carreta por volta das 6h30 da manhã. A concessionária informou que uma pessoa se feriu e o acidente chegou a causar 4 km de congestionamento.   Segundo a Nova Dutra, o tráfego é normal ao longo de toda a rodovia, apesar das chuvas que caem em pontos isolados.   Texto ampliado às 17h40

Mais conteúdo sobre:
Verão2009 verão 2009 Dutra trânsito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.