Motorista dirige na contramão e morre

MARGINAL DO PINHEIROS

, O Estado de S.Paulo

01 de abril de 2011 | 00h00

O eletricista Luiz Antônio Duarte da Silva, de 44 anos, morreu de parada cardíaca após dirigir seu Uno por 300 metros na contramão da Avenida Guido Caloi, na zona sul, às 22h de quarta-feira. Ele seguia para Interlagos quando entrou em um posto e voltou na contramão. Após bater em dois carros, Silva tentou fugir a pé, mas foi detido. Quando era interrogado por policiais, sofreu o ataque cardíaco.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.