Motorista deve evitar estrada após as 15h

O motorista deve ficar atento aos horários de pico previstos nas principais vias de acesso à capital paulista na volta deste feriado prolongado.

O Estado de S.Paulo

20 Novembro 2012 | 02h04

No Sistema Anchieta-Imigrantes, que liga a Baixada Santista a São Paulo, estão previstos mais de 109 mil veículos no sentido capital. A partir das 10h, a Ecovias, concessionária responsável pela via, começa a Operação Subida - com o trajeto de descida da serra apenas pela pista sul da Anchieta e subida pelas duas pistas da Imigrantes e pista norte da Anchieta. O planejamento pode ser alterado em função do tráfego ao longo dia.

Já na Rodovia Anhanguera-Bandeirantes, a concessionária AutoBan prevê que o horário de pico seja entre as 15h e as 20h. Desde quarta-feira, já passaram pela rodovia mais de 938 mil veículos - a previsão é de que a circulação aumente em 400 mil.

Quem volta dos Estados do Sul do País, pela Régis Bittencourt, vai se deparar com obras de recapeamento em vários trechos, das 7h às 17h.

Na altura da Serra do Cafezal, entre o km 337 e o km 343, a restrição de tráfego poderá ser ainda maior, já que a duplicação do trecho acontece nos dois sentidos da pista. O cronograma prevê reformas até domingo.

Obras. Para quem vem do litoral norte e planeja voltar amanhã, a Desenvolvimento Rodoviário S.A. (Dersa) informa que a Rodovia dos Tamoios terá interdição total nos dois sentidos da pista das 12h as 14h. Na Presidente Dutra, que faz a ligação com o Rio, não haverá operações especiais no trecho paulista.

O rodízio de veículos na capital volta a valer amanhã, para carros com final de placa 5 ou 6. A restrição ficou suspensa por seis dias por causa do feriado prolongado. / E.T., D.C. e T.P., ESPECIAL PARA O ESTADO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.