Nilton Fukuda/Estadão
Nilton Fukuda/Estadão

Motociclista morre após se envolver em acidente na Marginal do Tietê

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego, esta foi a quarta ocorrência com morte nas Marginais no ano

Renata Okumura, O Estado de S.Paulo

30 Março 2017 | 13h25
Atualizado 30 Março 2017 | 15h36

SÃO PAULO – Um motociclista morreu após acidente envolvendo, mais uma vez, um caminhão e uma moto na pista central da Marginal do Tietê, no sentido da Rodovia Castelo Branco, na altura da Ponte Governador Orestes Quércia, conhecida como Estaiadinha, na manhã desta quinta-feira, 30. A ocorrência na região de Santana, na zona norte, foi registrada por volta das 10h30, e a faixa da esquerda foi interditada na região.

O serviço de emergência do Corpo de Bombeiros e o policiamento de trânsito foram acionados para prestar socorro ao motociclista, mas a equipe médica constatou o óbito no local.

A Polícia Militar solicitou a perícia técnica. As causas do acidente estão sendo apuradas, assim como todas as ocorrências que envolvem vítimas. 

O caso foi registrado no 13º Distrito Policial (Casa Verde).

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), mais de 80% dos acidentes com vítimas nas Marginais do Tietê e do Pinheiros envolvem motos.

Em 25 de janeiro de 2017, as velocidades máximas aumentaram nas marginais. A permissão para carros e motos nas pistas expressas passou de 70 km/h para 90 km/h. Nas pistas centrais, a velocidade subiu de 60 km/h para 70 km/h. E nas pistas locais, foi de 50 km/h para 60 km/h. O limite de 50 km/h foi mantido somente nas faixas da direita, que ficam ao lado das calçadas e nos corredores de ônibus. Para caminhões, continuou valendo a velocidade máxima de 60 km/h nas pistas expressas e centrais.

Outros acidentes. Neste ano, quatro motociclistas morreram nas Marginais, segundo a CET. O primeiro caso aconteceu em 14 de fevereiro, na pista expressa da Marginal do Pinheiros. A segunda morte foi registrada em 4 de março, também na pista expressa da Marginal do Pinheiros. A terceira foi no dia 10 de março e ocorreu na pista expressa da Marginal do Tietê, no sentido Ayrton Senna, quando um motociclista morreu após uma batida com um caminhão também na altura da Ponte Estaiadinha.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.