Morte por escorpião faz pais serem indenizados

A juíza Eliete de Fátima Guarnieri, da 3.ª Vara Cível de Santa Barbara D'Oeste, condenou a prefeitura a indenizar em R$ 300 mil cada um dos pais de uma menina morta por picada de escorpião, em março de 2005. A filha dos beneficiados, de 8 anos, foi vítima do escorpião e acabou encaminhada ao hospital municipal. Lá, não teria sido medicada e, transferida, acabou morrendo. Ainda cabe recurso da decisão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.