Divulgação
Divulgação

Morre o arquiteto João Valente

Autor de projeto da ponta estaiada Octavio Frias de Oliveira sofreu enfarte

O Estado De S.Paulo,

20 de agosto de 2011 | 22h49

Morreu neste sábado, 20, aos 62 anos o arquiteto e urbanista João Valente Filho. Autor do projeto da ponte estaiada Octavio Frias de Oliveira, na Marginal do Pinheiros Valente sofreu um enfarte no início da tarde de ontem na Bahia. O corpo deve ser levado para São Paulo ainda hoje e o enterro será amanhã no Cemitério do Araçá, no Sumaré, zona oeste da capital, em horário a ser definido.

 

João Valente estava na Bahia desde a última sexta-feira para participar de um simpósio sobre arquitetura e construções sustentáveis. Ele almoçava ontem com a mulher Sandra quando começou a sentir-se mal e teve o enfarte. Valente chegou a ser levado ao Hospital Menandro de Farias, em Lauro de Freitas, mas não resistiu e morreu.

 

Segundo Vitório Junior, amigo de Valente e organizador do simpósio, ele sofria de hipertensão, que estaria sob controle. "Ele havia acabado de fazer exames, estava se sentindo ótimo." João Valente deixa a mulher quatro filhos, todos arquitetos. Um deles viajou à Bahia ontem para organizar o traslado.

 

Além da ponte estaiada que se tornou um cartões postais de São Paulo, Valente realizou diversos projetos principalmente na área de mobilidade urbana. Projetou corredores de ônibus, planos de inserção de linhas de trem e monotrilho. Também assinou trabalhos de urbanismo. Valente ainda colaborou no novo Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, que está em reforma para a Copa de 2014. É dele todo o projeto requalificação urbana do complexo do estádio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.