Morre morador de rua que teve 85% do corpo queimado em SP

Vítima foi incendiado enquanto dormia em uma praça de Santa Cecília, na região central

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

28 de novembro de 2007 | 09h00

O morador de rua incendiado enquanto dormia na Rua São Vicente de Paulo, em Santa Cecília, na região central de São Paulo, morreu na madrugada desta quarta-feira, 25. Segundo informações do Hospital das Clínicas, onde ele foi internado, a vítima teve 85% do corpo queimado e morreu às 2h40 desta quarta. O corpo do morador de rua, que sofreu queimaduras de terceiro grau em 85% do corpo, foi encaminhado para o Instituto Médico legal (IML), ainda sem identificação. Conhecidos da vítima dizem que ele se chama Ivanildo, tem 45 anos, e seu apelido era Cangaíba. O criminoso teria despejado gasolina sobre as roupas da vítima e ateado fogo.  Testemunhas disseram ter visto um homem bem vestido, com jaqueta branca, deixar o local correndo. Ele teria jogado combustível, provavelmente óleo lubrificante, e ateado fogo no mendigo, que dormia na calçada de um prédio residencial.

Tudo o que sabemos sobre:
morador de ruacrimeSanta Cecília

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.