Divulgação
Divulgação

Morre cão que foi arrastado por dono em Piracicaba, interior de SP

Rottweiler estava sendo tratado em uma ONG para animais, mas teve complicações no seu quadro clínico e não resistiu

Solange Spigliatti, Central de Notícias,

16 Novembro 2011 | 08h42

SÃO PAULO - O cão da raça rottweiler, de 7 anos, arrastado por ruas de Piracicaba, no interior de São Paulo, pelo próprio dono, morreu no final da tarde desta terça-feira, 15.

O cão Lobo, segundo a ONG Vira Lata Vira Vida, onde estava sendo tratado, teve complicações no seu quadro clínico e faleceu. Será feita uma necropsia nesta quarta-feira, 16, para identificar o que causou a morte do animal.

Lobo foi amarrado em uma pick-up pelo dono e arrastado por vários metros na cidade no começo do mês. Por conta dos ferimentos, ele teve uma pata amputada. O mecânico Claudio César Messias, dono de Lobo, foi multado em R$ 1,5 mil pela Polícia Ambiental.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.