Morar perto do trabalho dá renda extra nos EUA

Tudo começou em 1997, no nordeste dos Estados Unidos. Com o objetivo de diminuir o tempo e a distância de deslocamento entre o trabalho e a residência dos seus moradores, a prefeitura de Baltimore lançou o programa Live Near Your Work (More Próximo do Seu Trabalho, em tradução literal), que garante entre US$ 2,5 mil e US$ 17 mil de subsídio para quem comprar casa perto do local de trabalho.

RODRIGO BURGARELLI, O Estado de S.Paulo

26 de fevereiro de 2012 | 03h06

O programa cambaleou no início, por causa da falta de verbas, mas depois de aporte de US$ 2,5 milhões em 2007, mais de 600 pessoas já conseguiram sua casa própria e ajudaram a revitalizar zonas degradadas onde havia grande oferta de trabalho - algo parecido com o que acontece no centro de São Paulo.

A intenção é que, reduzindo os grandes deslocamentos, a qualidade de vida aumente e os investimentos necessários em transporte diminuam. O sucesso recente do programa cativou outras regiões americanas. Em Delaware, Estado também no nordeste dos EUA, o subsídio de US$ 3 mil já fez com que mais de 20 empresas da região aderissem ao programa - elas dividem o custo do subsídio com o governo estadual e as prefeituras locais, da mesma maneira que em Baltimore.

A capital do país, Washington, lançou programa idêntico em meados do ano passado. Batizado com o mesmo nome, a cidade oferece até US$ 12 mil e também contempla quem se mudar para algum lugar perto do metrô.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.