Morador de rua morre após ser espancado enquanto dormia

Dois foram atingidos por barras de ferro no ABC; Reginaldo Pereira Mendes, de 52 anos, morreu na hora

Solange Spigliatti, da Central de Notícias,

23 Fevereiro 2010 | 13h55

Um morador de rua, de 52 anos, morreu e outro ficou ferido após serem espancados na madrugada desta terça-feira, 23, em São Bernardo do campo, no Grande ABC paulista.

 

A dupla dormia embaixo de um toldo de uma borracharia, na Avenida 31 de Março, no bairro Pauliceia, quando três homens chegaram ao local, por volta da 1h30. Os moradores de rua foram atingidos por golpe de barra de ferro e madeira. Um deles, Reginaldo Pereira Mendes, de 52 anos, morreu na hora. O outro morador, de 28 anos, conseguiu fugir.

 

Segundo testemunha, três homens chegaram ao local e começaram a agredir as vítimas. Após a ação, eles forma embora a pé. Ela também disse conhecê-los de vista, e informou que eles costumavam andar com um homem com o qual a vítima teve uma desavença há alguns meses. Ninguém foi preso.

Mais conteúdo sobre:
SP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.