Mogi tem cinco assassinatos na mesma noite

Pelo menos outras duas pessoas foram feridas por tiros; cidade registrou aumento de 44,6% no número de vítimas de homicídio

O Estado de S. Paulo

24 Janeiro 2015 | 15h00

 SÃO PAULO - Três jovens foram mortos a tiros, na madrugada deste sábado, 24, após serem assassinados por atiradores que estavam dentro de um carro. Os suspeitos, que estavam dentro de um Volkswagen Fox abriram fogo contra um grupo de amigos na Rua Waldir Carrião Soares, no bairro Vila Caputera. De acordo com a Polícia Civil, outros dois homens foram mortos, por ocupantes de um mesmo carro, em um bairro vizinho.

No primeiro ataque, por volta da 1h, o adolescente Christian Silveira Filho, de 17 anos, e os jovens Ivan Marcos dos Santos Souza, de 18 anos, e Lucas Tomaz de Abreu, de 20 anos, morreram no local. Um dos baleados, um homem de 29 anos, atingido no braço, foi sozinho ao hospital. Ele foi medicado, liberado e, segundo a Secretaria de Estado da Segurança Pública, não foi localizado posteriormente. O segundo ferido foi levado para o hospital em estado grave. O caso foi registrado na área do 1º Distrito Policial (DP) de Mogi das Cruzes. 

Cerca de 20 minutos depois, outras duas pessoas foram mortas a tiros, na área do 2º Distrito Policial (DP) de Mogi das Cruzes. Até a tarde deste sábado, ninguém tinha sido preso. 

Mais conteúdo sobre:
Mogi das Cruzes Polícia

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.