Ministério Público de São Paulo cria grupo de combate a cartéis

Além de formar grupo com quatro procuradores, ministério disponibiliza site para denúncia

Julia Baptista, da Central de Notícias, Estadão.com.br

23 de agosto de 2010 | 12h11

SÃO PAULO - A Procuradoria da República no Estado de São Paulo informou nesta segunda-feira, 23, que foi criado um Grupo de Combate a Cartéis na capital paulista. O grupo, formado por quatro procuradores, atua, desde este mês, nos procedimentos extrajudiciais, cíveis e criminais, relacionados ao tema. Além da fase de apuração, os procuradores integrantes também atuarão nos demais processos judiciais e outros procedimentos decorrentes das informações que vierem a ser recebidas pelo grupo.

 

Quem tiver notícias de formação de cartel, fraudes à concorrência ou quaisquer infrações à ordem econômica ocorrida no estado de São Paulo, ou a partir dele, em que haja suposto interesse federal, inclusive de ordem internacional, pode denunciar ao MPF em São Paulo, por meio do canal digi-denúncia, na página da Procuradoria da República em São Paulo: http://www.prsp.mpf.gov.br/noticias-prsp/aplicativos/digi-denuncia

 

O grupo do MPF atuará em colaboração com a Chefia da Delegacia Fazendária da Polícia Federal, responsável pela condução de investigações que envolvam cartéis e outras infrações de ordem federal na esfera econômica.

Tudo o que sabemos sobre:
MPFcartéis, denúncia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.