Ministério anuncia liberação de R$ 10 milhões para Paraitinga

Verba destinada pela Cultura será usada para recuperar patrimônio histórico da cidade, devastado pelas chuvas

estadao.com.br,

12 Janeiro 2010 | 15h19

Em visita a São Luiz do Paraitinga, o ministro da Cultura interino, Alfredo Manevy, anunciou nesta terça-feira, 12, a liberação imediata de R$ 10 milhões para a recuperação do patrimônio histórico da cidade, danificado por fortes chuvas. A quantia corresponde a cerca de metade do orçamento destinado ao município.

 

Veja também:

linkCaixa anuncia condições especiais para vítimas de chuvas

lista Leia a cobertura completa sobre a tragédia em Paraitinga

 

Com a cheia que inundou a cidade nos primeiros dias de 2010, das 431 casas tombadas pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat), 70 estão totalmente destruídas. As perdas foram calculadas em R$ 50 milhões.

 

Na semana passada, a prefeita Ana Lúcia Bilard (PSDB) anunciou um pacote que inclui a definição de duas áreas para construção de moradias populares, a fixação do prejuízo e a isenção de impostos para estimular a economia. A Nossa Caixa também prometeu liberar, nos próximos dias, linhas de crédito. A Caixa Econômica Federal ainda irá disponibilizar recursos do FGTS para a reconstrução de casas.

Mais conteúdo sobre:
São Luiz do Paraitinga

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.