Metroviários desistem de entrar em greve

O Sindicato dos Metroviários desistiu da greve marcada para hoje. Em assembleia ontem, a categoria recebeu informação de que o Metrô havia aceitado proposta de sindicalistas para pagamento da Participação nos Lucros e Resultados (PLR) e votou pela não realização da paralisação.

O Estado de S.Paulo

29 de fevereiro de 2012 | 03h02

O impasse se arrastava havia três semanas. O pagamento da PLR - cujo menor valor é de R$ 3.900 - estava condicionado a uma série de metas e uma delas, ligada à satisfação do usuário com o serviço, não foi atingida. Metroviários sustentam que essa meta não têm ligação com a qualidade do serviço dos funcionários, mas sim com a superlotação do sistema. Mas o Metrô dizia que não poderia fazer o pagamento integral sem que todas as metas fossem cumpridas. Ontem, voltou atrás. / B.R.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.