Metrô e sindicato fecham acordo e greve é cancelada em São Paulo

Proposta sobre o pagamento da Participação nos Resultados foi aprovada em assembleia

Priscila Trindade, do estadão.com.br,

28 de fevereiro de 2012 | 19h38

SÃO PAULO - O Metrô e o Sindicato dos Metroviários de São Paulo fecharam um acordo e os trabalhadores não entrarão em greve nesta quarta-feira, 29, conforme o previsto. A proposta sobre o pagamento da Participação nos Resultados foi aprovada em assembleia realizada na noite desta terça-feira, 28, na sede do sindicato, na zona leste da cidade. 

Em nota, o Metrô informou que o benefício para os mais de oito mil empregados será paga já nesta quarta-feira. Foi acertado um piso mínimo de R$ 3.900 para pagamento ou o repasse de uma parcela fixa mais um percentual de 40% sobre o salário de cada funcionário (o que for maior). O Metrô confirmou a proposta.

O sindicato ameaçava paralisar as linhas há três semanas, por causa do impasse no pagamento da Participação nos Resultados. A paralisação afetaria cerca de 4 milhões de pessoas por dia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.