Metade dos conflitos segue sem solução após cinco anos

Divergências nas áreas trabalhista e de família são os maiores motivos de conflitos entre brasileiros maiores de idade: 12,6 milhões de pessoas com 18 anos ou mais (9,4% desta faixa etária) envolveram-se em conflitos nos cinco anos anteriores à coleta dos dados, realizada em setembro de 2009. Entre os 92,7% que optaram por processos judiciais ou outras ações formais, quase metade (49,2%) teve a causa resolvida no período de até cinco anos e 50,8% ainda aguardavam um desfecho.

Luciana Nunes Leal e Felipe Werneck, O Estado de S.Paulo

16 Dezembro 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.