Mercado editorial dispõe de mais de 10 biografias

As editoras também sentem o impacto da vinda do papa Francisco ao Rio no seu faturamento. Apenas nos dois primeiros meses após o anúncio do novo papa, quatro biografias do pontífice foram publicadas - todas com tiragem praticamente esgotada e já na segunda edição.

Heloisa Aruth Sturm / Rio, O Estado de S.Paulo

22 Julho 2013 | 02h02

Atualmente, há mais de dez. A primeira lançada no País foi A Vida de Francisco: o papa do povo (R$ 24,90), da jornalista argentina Evangelina Himitian, publicada pela Editora Objetiva. Antes mesmo de o livro ficar pronto, a editora contatou a coordenação-geral da JMJ, oferecendo exemplares para análise. A decisão de adotar a biografia como produto oficial da Jornada foi do Arcebispo do Rio, dom Orani Tempesta.

A tiragem inicial de 25 mil exemplares, número superior à média da editora, não foi suficiente. "Nosso livro teve críticas muito positivas e a procura por ele está crescendo", disse o diretor geral da Objetiva, Roberto Feith, que mandou fazer uma nova tiragem de mais dez mil.

Pela Editora Paralela, saíram 40 mil exemplares de Sobre o Céu e a Terra - O Que Pensa o Novo Papa Francisco Sobre a Família, a Fé e o Papel da Igreja no Século XXI (R$ 24,90), do rabino argentino Abraham Skorka. Em maio, a Verus lançou 20 mil exemplares de Papa Francisco - Conversas com Jorge Bergoglio (R$ 24,90), de Sergio Rubin e Francesca Ambrogetti.

As editoras especializadas no segmento católico também publicaram biografias do papa e outros livros para a Jornada. A Editora Paulus viu os 2 mil exemplares da biografia Papa Francisco - a vida e os desafios (R$ 13,95), de Saverio Gaeta, se esgotarem em apenas 13 dias. Foi preciso reimprimir mais 3 mil exemplares, e já se planeja nova tiragem. A jornada também impulsionou as vendas da publicação YouCat - Catecismo Jovem da Igreja Católica.

Na Paulinas, são três livros sobre o papa, entre eles a biografia Francisco - o Papa vindo do fim do mundo (R$ 5), de Renzo Sala, com 28 mil exemplares, além de outros cinco preparados especialmente para a Jornada. A Editora Cidade Nova ia fazer 5 mil exemplares de 25 Minutos: A Vida de Chiara Luce Badano, a padroeira da juventude, mas acabou fazendo 500 mil: a Fundação Ajuda à Igreja Que Sofre comprou essa quantidade para distribuir na Jornada.

Na Editora Vozes, que também preparou três livros dedicados aos jovens, foram vendidos desde março 15 mil exemplares da biografia Francisco, o novo João XXIII (R$ 19,90), de José Manuel Vidal e Jesús Bastante, e outros 6 mil já estão sendo impressos. Para se ter uma ideia do fenômeno de vendas: a tiragem média da editora é cinco vezes menor, de 3 mil exemplares.

Mais conteúdo sobre:
papapapa Francisco

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.