Menor envolvido em morte de PM é apreendido e confessa crime

O policial Luis Carlos Barbosa tinha acabado de sacar R$ 1 mil em uma agência bancária, quando foi abordado por dois criminosos e levou um tiro no peito

Clarice Cudischevitch, O Estado de S. Paulo

23 Maio 2013 | 07h37

SÃO PAULO - A polícia apreendeu um adolescente de 17 anos envolvido no assassinato de um policial militar à paisana na tarde de terça-feira, 21, no Itaim Paulista, zona leste de São Paulo.

O menor foi encontrado pela polícia na quarta-feira, 22, e portava a arma usada no dia do crime, além de dinheiro roubado em outros assaltos. Ele já tem passagem pela Fundação Casa.

No dia do crime, o policial Luis Carlos Barbosa tinha acabado de sacar R$ 1 mil em uma agência bancária, quando foi abordado por dois criminosos dentro de uma loja.

Ele levou um tiro no peito, mas conseguiu balear um dos bandidos, que também tinha 17 anos. Os criminosos fugiram sem levar nada. O menor deu entrada no Hospital Tide Setúbal, em São Miguel, onde foi apreendido.

O PM chegou a ser encaminhado ao Hospital Santa Marcelina, mas não resistiu. A polícia ainda investiga o envolvimento de um terceiro suspeito, que continua foragido.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.