Menino de 13 anos bate carro furtado no Pari

Adolescente tentou fugir; após registro de ato infracional, ele foi liberado mediante a presença da mãe

Daniela do Canto, Central de Notícias

25 Fevereiro 2009 | 05h09

O adolescente R.P., 13 anos, foi detido por guardas civis metropolitanos na noite de terça-feira, 24, depois de bater um Fiat Elba furtado no Pari, zona leste de São Paulo. De acordo com o relato de testemunhas, o menor seguia pela Rua Bom Jardim e, ao entrar na Rua Araguaia, perdeu o controle do veículo. Ele tentava desviar de um caminhão. O carro chocou-se contra um poste na Rua Pascoal Ranieri. Mesmo ferido, R.P. tentou fugir. Neste momento, uma viatura da GCM passava pelo local. Curiosos que estavam reunidos próximo ao carro indicaram para onde o menor correu. Ele notou a aproximação dos guardas e tentou pular o muro de um estacionamento próximo, mas acabou detido. Aos guardas, o adolescente teria dito que encontrou o carro ligado perto da feira de bolivianos no Pari. O veículo não tem queixa de roubo, mas segundo informações apuradas pela polícia, foi vendido há cinco anos e não foi transferido para o nome do novo dono. Dentro do carro, foi encontrado um cartão de uma confecção que vende as suas peças na Feira da Madrugada, no Brás, região central da cidade. R.P., que tem menos de 1,50 metro de altura, foi encaminhado ao Pronto-Socorro do Pari. Ele sofreu ferimentos no joelho, um galo na cabeça e levou três pontos no queixo. Em seguida, o adolescente foi levado ao 12º Distrito Policial (Pari), onde foi registrado um Ato Infracional. O garoto foi liberado mediante a presença de sua mãe na delegacia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.