Menina que perdeu os pais em acidente com Learjet recebe alta

Cláudia Fernandes deixou o Hospital do Servidor Público Estadual por volta das 17h30 com sua tia materna

14 de dezembro de 2007 | 18h02

A jovem Cláudia Fernandes, 16 anos, que sobreviveu ao acidente envolvendo um Learjet, recebeu alta do Hospital do Servidor Público Estadual por volta das 17h30 desta sexta-feira, 14. Ela foi levada por sua tia materna Valdislene de Matos, parente mais próxima viva.   Cláudia foi resgatada com 30% do corpo queimado após um jatinho cair sobre a casa onde estava, no bairro da Casa Verde, zona norte de São Paulo, em 4 de novembro. Seus pais, Rosa Lima, de 54 anos, e Aires Fernandes, também de 54, que a acompanhavam no momento do acidente, não sobreviveram.   (Com reportagem de Ana Carolina Moreno, do Jornal da Tarde)

Tudo o que sabemos sobre:
LearjetAcidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.