Reprodução/Facebook
Reprodução/Facebook

Menina de 9 anos morre após picada de escorpião em Bariri (SP)

Garota brincava no quintal quando foi picada pelo aracnídeo; ao menos oito crianças morreram no interior de São Paulo por causa de escorpiões

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

24 de novembro de 2018 | 23h46

SOROCABA – Nicoly Stephanie da Silva Nicolai, de 9 anos, morreu neste sábado, 24, após ser picada por um escorpião no quintal de casa, na zona rural de Bariri, interior de São Paulo. Conforme os familiares, a criança estava brincando quando pisou no aracnídeo, sendo picada no pé.

A menina foi levada para a Santa Casa de Bariri, onde foi medicada com seis ampolas de soro contra o veneno, mas não teve melhora. Ela foi transferida para a Santa Casa de Jaú, também no interior paulista, mas não resistiu.

O hospital de Bariri informou que Nicoly deu entrada com o veneno já atuando fortemente no organismo. Ela chegou a ter sete paradas cardíacas, antes de acontecer o óbito. O corpo de Nicoly foi velado e sepultado no fim da tarde deste sábado, no Cemitério Municipal de Bariri. 

O caso foi a ao menos oitava morte de criança no interior de São Paulo causada por picada de escorpião nos últimos meses. Um dos casos mais recentes, no fim de outubro, resultou na morte de uma menina de 4 anos em Ourinhos. Os outros óbitos aconteceram em Santa Bárbara d'Oeste, Sumaré, Barra Bonita, Miguelópolis, Araçatuba e Bauru.

Tudo o que sabemos sobre:
escorpiãoBariri [SP]envenenamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.