Menina de 4 anos escolhe número e mãe acerta na quina na Mega-Sena

Família de Votuporanga vai receber cerca de R$ 4 mil por acertar os 5 números sorteados no sábado

Chico Siqueira, especial para o Estado de S.Paulo

08 Novembro 2011 | 19h31

ARAÇATUBA - Uma das 392 apostas que acertaram os cinco números da Mega-Sena no último concurso (1334) foi feita por uma criança de quatro anos, da cidade de Votuporanga, no interior de São Paulo. O sorteio, que distribuía R$ 17,3 milhões, ficou acumulado, porque ninguém acertou as seis dezenas.

Pelos cinco números, os pais da menina vão receber R$ 4.240,20, que serão depositados na poupança da filha e parte será usada para o presente de Natal da garotinha.

A menina acompanhava a mãe, Valéria Santana de Oliveira, que aproveitou as compras da manhã do sábado para pagar as contas na Lotérica Votuporanga, na rua Amazonas, centro da cidade. Como sempre fazia, deu um dos cartões para a filha marcar os números.

"A lotérica é perto de casa, todo sábado ela sai de manhã ela passa na lotérica para fazer uns jogos e dá um dos cartões para distrair a menina", contou o funcionário público Jonas Miguel, marido de Valéria e pai de Júlia, que completa cinco anos em fevereiro. "Minha mulher fez dois jogos e apostou o cartão da Julinha, que sempre marca nos numerozinhos dela lá, mais para brincar", contou.

Na tarde de domingo, Jonas pediu os cartões à mulher e ao entrar na internet para checar o resultado, se surpreendeu ao ver que cinco dos seis números marcados pela filha tinham sido sorteados. "Só errou o número 13; deu o 10", contou. "Levei um susto, é uma sensação indescritível", afirmou Miguel, que pensa em pedir para a filha marcar novos números para o concurso desta quarta-feira. "Tomara que agora ela acerte todos os seis números".

A atendente Andrea Borges, da lotérica, confirmou que 'uma mulher' acertou os cinco números da Mega Sena. "Não temos como dizer o nome", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.