Marginal do Tietê é liberada após protesto e confronto com PM

Segundo a polícia, moradores fizeram manifestação reivindicando moradia; não há informações sobre feridos

Solange Spigliatti e Fabiana Marchezi, do estadao.com.br,

06 Janeiro 2009 | 13h21

Foto: Márcio Fernandes/AE   SÃO PAULO - Após novo confronto entre a Polícia Militar e manifestantes, a pista local da Marginal do Tietê, na altura do Viaduto Milton Tavares de Sousa, sentido Rodovia Ayrton Senna, foi reaberta às 15h55 desta terça-feira, 6.     De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), no início da tarde as pistas local e expressa da via foram bloqueadas no mesmo sentido por cerca de 40 moradores da Favela Tiquatira, localizada às margens da via.   Ainda segundo a CET, a manifestação começou por volta das 13 horas, quando os moradores colocaram pedras, pneus e atearam fogo à madeira para bloquear as duas pistas. Por volta das 13h15, a pista expressa foi liberada pela primeira vez. O grupo reivindica por moradia, segundo a Polícia Militar.   Moradores da Favela Tiquatira protestam por moradia e entram em confronto com a Polícia Militar Foto: Márcio Fernandes/AE   Texto alterado às 16h43 horas para acréscimo de informações.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.