Marginal do Pinheiros concentra piores trechos de lentidão

Na zona sul, via acumula 5,6 km dos 87 km registrados em toda cidade por volta das 9h desta terça-feira

Fabiana Marchezi, estadao.com.br

17 Fevereiro 2009 | 09h02

O motorista que trafegava pelas principais vias da capital paulista por volta das 9 horas desta terça-feira, 17, enfrentava 87 quilômetros de congestionamento, em razão do excesso de veículos. O índice representa 10,4% dos 835 quilômetros monitorados e esta dentro da média para o horário, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego. O pior trecho é a Marginal do Pinheiros, com cerca de 5,6 km. Veja também:Josélia Pegorim comenta a previsão do tempo  A previsão do tempo para a sua cidade    Como o trânsito parou SP e números da frota Dossiê Estado: os números do trânsito em SP  Acompanhe a situação do trânsito rua-a-rua   Os traços em vermelho representam trechos congestionados nesta manhã. Fonte: CET Piores trechos congestionados - Marginal do Pinheiros, sentido Interlagos, pista expressa, desde a Rodovia Castelo Branco até a Ponte Cidade Universitária, com 5.600 metros.- Radial Leste, sentido centro, desde o Viaduto Pires do Rio até a Rua Wandenkolk, com 4.700 metros.- Marginal do Tietê, sentido Castelo Branco, pista expressa, entre as pontes Aricanduva e Jânio Quadros, com 4.200 metros. Situação dos principais corredores  Zona Sul- Marginal do Pinheiros, sentido Interlagos, pista expressa, desde a Rodovia Castelo Branco até a Ponte Cidade Universitária, com 5.600 metros. Zona Oeste- Ligação Leste-Oeste, sentido Lapa, entre as avenidas Alcantara Machado e 23 de Maio, 1.600 metros.  Zona Norte- Marginal do Tietê, sentido Castelo Branco, pista expressa, entre as pontes Aricanduva e Jânio Quadros, com 4.200 metros. Zona Leste- Radial Leste, sentido centro, desde o Viaduto Pires do Rio até a Rua Wandenkolk, com 4.700 metros.  Centro - Avenida do Estado, sentido Santana, entre as ruas Wilson e Pacheco e Chaves, com 350 metros.

Mais conteúdo sobre:
trânsitoSPVerao 2009

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.