Marcha para Jesus fecha avenidas de SP no feriado

Igreja Renascer espera reunir 5 milhões de pessoas no evento; confira onde vai ter bloqueio

estadao.com.br,

29 de outubro de 2009 | 15h00

A Igreja Renascer realiza a Marcha para Jesus no dia 2 e espera que cerca de 5 milhões de pessoas participem da caminhada, que tem apresentação de cantores e bandas religiosas. Para tanto, a CET vai bloquear as avenidas Santos Dumont e Tiradentes e as praças Heróis da Força Expedicionária Brasileira e Campo de Bagatelle, além de bloqueios temporários em outras vias menores da zona norte de São Paulo.

 

Veja também:

blog BLOG: acompanhe a situação do trânsito na cidade

linkFeriadão deve ser abafado e com muitas nuvens em SP

linkNo feriado, 1,8 milhão de carros devem usar estradas de SP

especialConfira o que abre e o que fecha no Dia de Finados em SP

 

A Santos Dumont, no trecho entre a Avenida Brás Leme e Praça Campo de Bagatelle, e Heróis da Força serão fechadas em ambos os sentidos entre 21h de domingo e 20h de segunda-feira. Depois começam os seguintes bloqueios temporários:

 

- A partir das 6h: a pista local da Avenida Tiradentes será bloqueada, entre a Avenida do Estado e o Túnel Tom Jobim, sentido Aeroporto;

 

- A partir das 9h: a pista expressa da Avenida Tiradentes será bloqueada para o desenvolvimento da marcha;

 

- A partir das 9h30: será desviado o trânsito da pista central da Avenida Santos Dumont em direção à Praça Campo de Bagatelle, próximo ao Terminal Armênia, para a Marginal Tietê, sentido Ayrton Senna;

 

- Das 10h às 14h: o terminal Armênia será desativado e as linhas de ônibus serão desviadas para a Ponte Vila Guilherme, seguindo pela Avenida Bom Jardim, ruas Araguaia, Canindé, Olarias, Pedro Vicente e Avenida Cruzeiro do Sul;

 

- Das 09h30 às 15h: será bloqueado o trecho da Avenida Olavo Fontoura entre a Praça Campo de Bagatelle e a Rua Professor Milton Rodrigues;

 

- Das 8h às 14h: haverá a liberação das alças de acesso da Marginal Tietê para a Ponte da Casa Verde em ambos os sentidos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.