Manutenção em sistema pode deixar parte da Grande SP sem água

Serviço acontecerá das 7h às 10h da quarta-feira, 28, com normalização prevista para 24h depois; companhia fará limpeza e desobstrução em túnel da Represa de Águas Claras

estadão.com.br,

26 de setembro de 2011 | 17h52

 SÃO PAULO - A Companhia de Saneamento Básico de São Paulo (Sabesp) realiza na próxima quarta-feira, 28, manutenção no Sistema Cantareira, em São Paulo. 

 

O serviço irá ocorrer das 7h às 10h e, nesse horário, alguns moradores podem ficar sem água. A normalização do sistema está prevista para as próximas 24 horas após a realização dos trabalhos. 

 

A manutenção pode atingir oito municípios da Região Metropolitana de São Paulo e outros 14 bairros da capital. São eles: Carapicuíba, Osasco, Barueri, Caieiras, Franco da Rocha, Francisco Morato, Guarulhos, São Caetano e São Paulo, nas regiões de Anhanguera, Pirituba, Freguesia do Ó, Casa Verde, Santana, Tremembé, Vila Maria, Mooca, Lapa, Sé, Pinheiros, Penha, Vila Formosa, Vila Alpina. 

 

A companhia fará a limpeza e desobstrução na abertura de um túnel da Represa de Águas Claras, uma das seis aberturas que compõem o Sistema Cantareira. A medida de caráter preventivo evita um possível desabastecimento a essa população. 

 

A Sabesp pede à população que utilize a água de forma racional durante o período da manutenção e também posteriormente. Dessa forma, os bairros mais afastados dos reservatórios terão o sistema restabelecido mais rapidamente. 

 

Hospitais, pronto socorros e escolas serão atendidos por caminhões-pipa. Casos de emergência podem ser solucionados pela Central de Atendimento 195, que funciona 24 horas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.