Manutenção em sistema pode deixar parte da Grande SP sem água

Serviço acontecerá das 7h às 10h da quarta-feira, 28, com normalização prevista para 24h depois; companhia fará limpeza e desobstrução em túnel da Represa de Águas Claras

estadão.com.br,

26 de setembro de 2011 | 17h52

 SÃO PAULO - A Companhia de Saneamento Básico de São Paulo (Sabesp) realiza na próxima quarta-feira, 28, manutenção no Sistema Cantareira, em São Paulo. 

 

O serviço irá ocorrer das 7h às 10h e, nesse horário, alguns moradores podem ficar sem água. A normalização do sistema está prevista para as próximas 24 horas após a realização dos trabalhos. 

 

A manutenção pode atingir oito municípios da Região Metropolitana de São Paulo e outros 14 bairros da capital. São eles: Carapicuíba, Osasco, Barueri, Caieiras, Franco da Rocha, Francisco Morato, Guarulhos, São Caetano e São Paulo, nas regiões de Anhanguera, Pirituba, Freguesia do Ó, Casa Verde, Santana, Tremembé, Vila Maria, Mooca, Lapa, Sé, Pinheiros, Penha, Vila Formosa, Vila Alpina. 

 

A companhia fará a limpeza e desobstrução na abertura de um túnel da Represa de Águas Claras, uma das seis aberturas que compõem o Sistema Cantareira. A medida de caráter preventivo evita um possível desabastecimento a essa população. 

 

A Sabesp pede à população que utilize a água de forma racional durante o período da manutenção e também posteriormente. Dessa forma, os bairros mais afastados dos reservatórios terão o sistema restabelecido mais rapidamente. 

 

Hospitais, pronto socorros e escolas serão atendidos por caminhões-pipa. Casos de emergência podem ser solucionados pela Central de Atendimento 195, que funciona 24 horas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.