Manifestantes ateiam fogo em carro no centro de São Paulo

Grupo é formado por lojistas que reivindicam mais pontos de vendas dentro das estações do Metrô

Solange Spigliatti, Central de Notícias,

25 de setembro de 2009 | 11h53


Carro é queimado por manifestantes na Rua Boa Vista, no centro. Foto: Keiny Andrade/AE

 

SÃO PAULO - Cerca de 200 pessoas colocaram fogo em um automóvel, que acabou explodindo, na manhã desta sexta-feira, 25, na Rua Boa Vista, no centro de São Paulo, segundo informações preliminares da Polícia Militar.

 

Ninguém ficou ferido, mas a rua ficou interditada das 10h30 até as 11h30, segundo informações da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Uma nova explosão ocorreu logo depois da liberação da rua, segundo a CET, que voltou a ser interditada pela Polícia Militar.

 

O grupo é formado por lojistas que reivindicam mais pontos de vendas dentro das estações do Metrô. A assessoria do Metrô ainda não divulgou nota sobre a manifestação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.