Manifestação bloqueia acesso à Avenida na região do Ibirapuera, em SP

Profissionais da saúde reivindicam melhorias nas condições de trabalho

Gheisa Lessa - Central de Notícias,

26 Abril 2012 | 11h06

São Paulo, 26 - Manifestações acontecem nas principais avenidas da capital paulista na manhã desta quinta-feira, 25. De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), há protestos na Avenida Paulista, na Avenida Pedro Álvares Cabral e na Avenida Mário Corvel Filho, na zona sul.

O acesso à Avenida Pedro Álvares Cabral, na região do Ibirapuera, foi bloqueado por cerca de 100 pessoas que protestam no local, segundo a CET. A Polícia Militar informa que são profissionais da saúde reivindicando por melhorias nas condições de trabalho. A manifestação começou por volta das 9h50, afirma a CET, no Viaduto Marcondes Salgado, com a ocupação da faixa da direita. O grupo pretende sair em passeata até a Assembleia Legislativa.

Acontece também um protesto com 100 pessoas na Avenida Mário Corvel Filho. A PM afirma que este protesto também é feito por profissionais da saúde e tem relação com as protestos localizados na Avenida Pedro Álvares Cabral.

Já na Avenida Paulista, 200 profissionais do setor frigorífico manifestam-se sem ocupar faixas e, conforme informações da Polícia Militar, concentram-se apenas na calçada. A PM afirma que os protestantes não têm intenção de sair em passeata.

Nenhum dos protestos causa reflexo no trânsito da capital paulista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.