Mais que dobra o nº de flagrados pelo bafômetro

Na comparação deste feriado prolongado com o equivalente do ano passado - a Semana Santa -, o número de pessoas flagradas dirigindo com volume de álcool no corpo suficiente para cometer crime de trânsito mais do que dobrou nas rodovias estaduais de São Paulo: foram 30 casos, ante 14 no ano passado.

O Estado de S.Paulo

03 de maio de 2012 | 03h03

Além disso, o balanço da Polícia Militar Rodoviária mostra que 258 motoristas foram flagrados cometendo infração de trânsito - quando a concentração de álcool por litro de sangue no corpo fica abaixo de 0,6 decigramas. Em 2011, foram 121 casos. A polícia foi questionada, mas não informou quantas pessoas foram submetidas ao teste do bafômetro nem quantas se recusaram a usar o aparelho.

Já no caso das rodovias federais, 1.200 fizeram o teste: 20 foram autuadas e quatro presas por cometer crime de trânsito. A PRF também não informou quantas pessoas se recusaram a soprar o bafômetro. /B.R.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.