Mais quatro suspeitos de assaltar joalheria em Ilhabela são presos

Primeiro acusado foi detido no domingo; bando que levou, óculos, joias e outras coisas não foram recuperados

Priscila Trindade, Central de Notícias

27 de outubro de 2010 | 09h51

SÃO PAULO - Cinco pessoas foram presas no Guarujá, no litoral de São Paulo, suspeitas de integrar uma quadrilha que roubou, na madrugada da última sexta-feira, uma joalheria em Ilhabela, no litoral de São Paulo.

 

Segundo a Polícia Civil, a quadrilha atracou no píer o barco em que estava e, depois de render alguns pescadores, invadiu a loja. O grupo fugiu no barco com joias e outras mercadorias.

 

No dia seguinte ao assalto, um dos suspeitos foi detido. Ele confessou ter guardado na pousada em que trabalha uma sacola com armas e um barco que teria sido usado na ação, que durou cerca de 20 minutos.

 

Na segunda-feira, os outros quatro suspeitos foram localizados. Testemunhas fizeram o reconhecimento. Eles foram levados para a Cadeia de Caraguatatuba (SP). 

O valor do prejuízo ainda não foi divulgado. Até agora, o material roubado não foi recuperado.

Tudo o que sabemos sobre:
AssaltoJoalheriaIlhabelaLitoral

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.