Mais 4 cidades decretam situação de emergência em SP

Total de municípios em emergência chega a 38; uma pessoa ainda está desaparecida e 70 já morreram

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

03 Fevereiro 2010 | 11h12

Mais quatro municípios de São Paulo decretaram situação de emergência por conta das chuvas que atingem o Estado desde o fim do ano passado. Com estes, sobe para 38 o número de cidades nesta situação, segundo a Defesa Civil Estadual.

 

São eles Álvares Machado, Araçatuba, Atibaia, Bofete, Bom Jesus dos Perdões, Caieiras, Caiuá, Carapicuíba, Capivari, Chavantes, Cotia, Ferraz de Vasconcelos, Francisco Morato, Franco da Rocha, Getulina, Guararema, Inúbia Paulista, Iporanga, Itaquaquecetuba, Itapevi, Lucélia, Lourdes, Manduri, Mineiros do Tietê, Mirandópolis, Mirassol, Osasco, Oscar Bressane, Pardinho, Pracinha, Presidente Venceslau, Ribeirão Pires, São José do Rio Preto, São Lourenço da Serra, Santa Barbara D'Oeste, Santo André, Santo Antônio do Pinhal e Sumaré.

 

Segundo levantamento da Defesa Civil desta quarta-feira, 3, nos 154 municípios atingidos, 22.080 pessoas foram afetadas pelas chuvas até agora. Deste total, 5.339 estão desabrigados. Setenta pessoas morreram.

 

Desaparecido

 

As equipes de resgate do Corpo de bombeiros continuam nesta quarta-feira, 3, a procurar o corpo de Adauto Vaz, de 41 anos. Ele desapareceu após ser levado por uma enxurrada, em Alumínio, na região de Sorocaba, no interior de São Paulo.

Mais conteúdo sobre:
Chuvas SPemergência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.