Mãe e filha libertadas de cativeiro na zona leste

Comerciante foi sequestrada na madrugada da última sexta-feira na Vila Maria, zona norte de São Paulo

Ricardo Valota, da Central de Notícias,

02 Março 2010 | 05h40

Uma comerciante, de 28 anos, e a filha dela, de apenas 2 anos, sequestradas há 4 dias, foram resgatadas, no início da madrugada desta terça-feira, 2, de um cativeiro montado em uma residência no Itaim Paulista, zona leste de São Paulo. PMs da 1ª Companhia do 29º Batalhão, após uma denúncia anônima, cercaram a casa. Três pessoas contratadas pela quadrilha para tomar conta dos reféns ainda tentaram fugir escalando o telhado do imóvel vizinho, mas foram presas.

 

Segundo a polícia, José Ilton da Silva, de 38 anos, já tem passagem por roubo e homicídio; Lúcia Cristina de Araújo Santos, 29, por roubo; e Rafael de Jesus, 25, por roubo e porte ilegal de arma. Mãe e filha foram encontradas em um dos cômodos, mas não sofreram ferimentos. Os criminosos no dia do sequestro usaram um Fiat Pálio branco. Já no cativeiro, no momento em que apareciam para as vítimas, os responsáveis por vigiar o cativeiro se encapuzavam para não mostrar o rosto.

 

A comerciante foi sequestrada às 2 horas da última sexta-feira, 26, quando a família fechava a pizzaria da família, na Vila Maria, zona norte da capital. O marido da comerciante, com o qual os bandidos vinham negociando o valor do resgate, foi deixado amarrado dentro da pizzaria no dia do sequestro. O caso será encaminhado para a Delegacia Antissequestro(DAS), no bairro de Santana, zona norte de São Paulo.

Mais conteúdo sobre:
sequestro zona leste

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.