Mãe de Isabella Nardoni move ação contra livro sobre o caso

Uso de imagem não foi autorizado e família questiona uso de 'acidente doméstico' como justificativa pela morte

Priscila Trindade, da Central de Notícias,

01 de outubro de 2009 | 17h46

Ana Carolina Oliveira, mãe da menina Isabella, morta em 29 de março de 2008, entrou com um pedido na Justiça para retirar do mercado o livro "Isabella". Segundo a advogada de Ana, Cristina Christo, a capa da publicação tem imagem da menina usada sem a autorização da família.

 

Veja também:

especialTudo sobre o acidente: reportagens e especiais

 

Além disso, a publicação conta que a morte de Isabella, com 5 anos na época, foi acidente doméstico. Isabella morreu após cair do 6.º andar do prédio onde morava o pai, Alexandre Nardoni, e a madrasta, Anna carolina Jatobá, na Vila Mazzei, na zona norte da capital.

 

A ação enviada na terça-feira, 29, ao Fórum Regional de Santana é contra o escritor Paulo Roberto Papandreu, de 53 anos, e a gráfica e editora Pallotti, de Santa Maria, no Rio Grande do Sul.

 

Acusados por homicídio, Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá negam o crime. O pai da menina disse que no dia da morte de Isabella, ele a mulher, a garota e outros dois filhos haviam chegado da casa do pai de Anna Carolina.

 

Como as crianças dormiam, ele subiu e deixou Isabella na cama. Em seguida, Alexandre desceu para pegar as outras crianças e a mulher no carro. Ao entrar em casa Isabella já estava caída no jardim do prédio. A tela de proteção da janela do quarto onde ela estava foi cortada.

 

Na versão de Alexandre, alguém teria entrado no apartamento no momento em que a garota ficou sozinha, porém a polícia não encontrou sinais de arrombamento. No dia 2 de abril, a polícia decretou a prisão temporária do casal, que se entregou à Justiça no dia 3. Eles estão presos na Penitenciária de Tremembé.

Tudo o que sabemos sobre:
Caso Isabela

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.