Luz, água e esgoto na rua nobre

Luciana Nunes Leal, O Estado de S.Paulo

21 de abril de 2011 | 00h00

 

Morador de uma das duas ruas principais da comunidade, a Independência, na entrada do Borel, o comerciante Sebastião Mendonça de Souza, de 78 anos, tem motivos para valorizar seu armazém e a casa bem equipada, com cobertura. Quando chegou, em 1958, vindo do Ceará, Sebastião morou no Bicão, até hoje uma das localidades mais precárias, no alto do morro. Foi descendo até chegar à área mais nobre, com calçamento e rede de eletricidade, água e esgoto. "Aqui embaixo é bem mais fácil. Mas já passei muito aperreio", diz Sebastião.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.