Lotação excessiva nos trens

LINHA 11 - CORAL DA CPTM

O Estado de S.Paulo

23 de junho de 2012 | 03h01

A lotação excessiva nos trens da CPTM em horários de pico (das 5 às 8 horas e das 17 às 20 horas) na Linha Coral é desumana. A CPTM tem de buscar alternativas para que os usuários consigam embarcar nos trens com segurança, antes que aconteça uma catástrofe. De manhã, na Estação Guaianases, os trens já chegam lotados, pois muitos passageiros embarcam em Guaianases, descem em Itaquera e retornam nos trens que vêm da Estação Luz para garantir um espaço. Também há lotação excessiva na Estação Luz. Já faz quase um ano que o trecho Brás-Luz foi interrompido para reforma. A obra parou, o trecho continua interrompido e, consequentemente, o número de passageiros na estação triplicou. Convido os responsáveis da CPTM a tentar embarcar em um dos trens em horário de pico para que sintam na pele o problema que enfrentamos diariamente.

MIGUEL RAMOS DA COSTA / SUZANO

A CPTM informa que a Linha 11-Coral está sendo modernizada. O

Expresso Leste será estendido até a Estação Suzano, que está sendo reconstruída. Também foram adquiridos mais 9 trens para essa ampliação do serviço. Com a conclusão das obras e chegada dos novos trens, haverá redução dos intervalos e aumento da oferta de lugares.

O leitor comenta: A reconstrução da Estação Suzano está "prevista" para acabar no fim de 2013, mas certamente atrasará, pois tenho acompanhado a lentidão das obras. Não reclamo da lotação em horário de pico, mas das condições desumanas nos trens. Há falta de trens ou eles estão mal distribuídos? Por que as obras do trecho Brás-Luz da Linha Rio Grande da Serra foram interrompidas?

CHÁCARA SANTO ANTÔNIO

Ruas em más condições

Embora o bairro Chácara Santo Antônio esteja crescendo, com a instalação de vários empreendimentos algumas ruas permanecem esquecidas. Vias de acesso à Rua da Paz estão esburacadas, com paralelepípedos velhos e cheias de remendos. Carros chegam a perder seus retrovisores por causa da trepidação! A Rua Antônio das Chagas está igualmente esquecida. Quando a Prefeitura fará nas citadas ruas o mesmo serviço feito nas Ruas Américo Brasiliense, Alexandre Dumas e Verbo Divino, que estão asfaltadas e praticamente sem buracos?

PAULO A. MOREIRA DE PINHO

/ SÃO PAULO

A Subprefeitura Santo Amaro informa que os reparos já estão sendo feitos e que as ruas constam no cronograma de recapeamento da Usina de Asfalto da Prefeitura.

O leitor comenta: Espero mesmo que a Prefeitura dê uma boa olhada nas condições das ruas do bairro e que sejam feitas as melhorias. Muitas estradas de terra têm melhores condições que as ruas do bairro.

TELEFÔNICA/VIVO

20 dias sem telefone

Com a fusão da Vivo com a Telefônica o serviço conseguiu piorar. Num período de 15 dias minha microempresa ficou três dias sem internet e simplesmente não consegui falar com nenhum funcionário deles. Perdi um dia tentando. Outro problema: paguei uma conta em atraso e a religação do telefone, que antes era feita em 24 horas, levou três dias. Ao abrir meu comércio, surpresa, o telefone tinha sido cortado novamente! Liguei para reclamar e uma gravação informou que a conta não havia sido paga. Detalhe é que eu tinha feito o pagamento há 11 dias!

ALCIDES CAMPOS FILHO

/ SÃO PAULO

A Telefônica/Vivo informa que a linha do leitor foi religada e enviada a 2ª via das contas com prorrogação da data de vencimento.

O leitor reclama: Após muito sofrimento, o problema foi resolvido em parte, pois, embora tenha pago a conta, recebi um aviso de débito para pagá-la mais uma vez. E o prejuízo que minha empresa teve ao ficar 20 dias sem telefone?

SANTO ANDRÉ

Unidade de saúde precária

Gostaria de relatar o estado de abandono da Unidade de Saúde Centrevile, em Santo André. A unidade tem instalações precárias e atendimento ruim, com médicos que mal examinam o paciente.

IVAN M. VIANA / SANTO ANDRÉ

A Prefeitura de Santo André informa que a Unidade de Saúde Centrevile está em obras e estão sendo executados serviços no telhado. De acordo com o cronograma, no dia 19/6 a obra teve início.

O leitor relata: Essa promessa de reforma da unidade foi feita há mais de um ano. Vou aguardar para ver se, desta vez, a obra será realizada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.