Lojistas protestam hoje por abertura do JK Iguatemi

Lojistas e funcionários contratados para trabalhar no Shopping JK Iguatemi prometem protestar hoje, às 9h30, na frente do empreendimento, que teve a inauguração barrada após ação do Ministério Público, na esquina das Avenidas Juscelino Kubitschek e Chedid Jafet, no Itaim-Bibi, zona sul da capital. O objetivo é chamar a atenção para os empregos em risco caso a Justiça não autorize a abertura.

O Estado de S.Paulo

23 Abril 2012 | 03h03

Voltado à classe A, o shopping que terá lojas como Chanel e Dolce & Gabbana já recebeu duas negativas da Justiça e da Prefeitura - a inauguração estava prevista para quinta-feira passada.

Autoridades exigem que sejam cumpridas medidas para amenizar o impacto do empreendimento no trânsito da região. Segundo o presidente da Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop), Nabil Sahyoun, se não houver definição logo, mais de três mil funcionários podem ser dispensados. "Os lojistas não podem ficar pagando funcionário sem trabalhar." / MARIANA LENHARO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.