Lojistas fazem protesto no Itaim-Bibi e cobram abertura do Shopping JK Iguatemi

Cerca de 200 pessoas fizeram um protesto, na manhã de ontem, no cruzamento das Avenidas Chedid Jafet e Juscelino Kubitschek, no Itaim-Bibi, zona sul de São Paulo. Mas não houve grande transtorno ao tráfego. O objetivo foi protestar contra a decisão da Justiça, que não permitiu a abertura no local do Shopping JK Iguatemi, no dia 29. A construtora WTorre requereu um Termo de Recebimento e Aceitação Parcial - uma licença provisória que permitiria o funcionamento sem as obras exigidas pela Prefeitura, incluindo um viaduto. A Associação Brasileira de Lojistas de Shopping alega que o empreendimento já registra R$ 250 milhões em prejuízo e o emprego de 3 mil pessoas está em risco.

O Estado de S.Paulo

24 Abril 2012 | 03h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.